Todas as postagens desse blog, são de inteira responsabilidade do colaborador que a fez e refletem apenas a sua opinião.
Caso você tenha interesse em colaborar com esse Blog, por favor, envie uma mensagem para redator@ame-rio.org

terça-feira, 26 de maio de 2020

BUIRA DE UMA GUIRUÇU

Buira no vocabulário Tupy significa ninho que certas abelhas fazem no chão.

Vou postar a seguir a história do resgate de uma Guiruçu. 
A história começa em Paty do Alferes, cidade serrana do Rio de Janeiro.

Um apicultor e amante de abelhas da região, que conhecia meu contato com abelhas sem ferrão, me procurou para repassar 3 enxames de abelhas sem ferrão que ele havia resgatado. Ele se dedica apenas às APIS, mas não queria ver morrer as abelhas que ele conseguiu resgatar de situações extremas.

Uma delas, foi resgatada de um terreno que sofreu uma terraplanagem. Abelha de abdómen amarelo e muito mansa. 


ATALHO => Caixa de Papelão

E por ser uma abelha de chão precisava de todo um cuidado especial no manejo, pois as caixas de madeira não dão o conforto térmico que elas requerem. Qualquer erro, e o enxame salvo poderia se perder ao longo do tempo.

Pensei em alguém com experiência em abelhas de chão e me veio a mente logo o nosso associado Wagner Torres. Liguei e perguntei se ele topava ficar com ela e tentar salvar o que restava do ninho, que já definhava em uma caixa de papelão.

Olhem o estado dramático em que ela se encontrava dentro da caixa:


Empreitada aceita, iniciou então a operação "Salva Guiruçu". E lá fomos nós de Paty do Alferes direto para Itaípu, 150Km e 2:30hs de viagem.

Enquanto dirigia, meu amigo já pesquisava na internet como fazer uma caixa ideal para Guiruçu. 
E quando cheguei, ele já havia achado um vídeo sobre o assunto, bem como já havia providenciado um vaso de barro para iniciar a transferência.


No vídeo que Wagner achou (atalho abaixo) o meliponicultor Pizzato comentava algumas dicas importantes, como por exemplo: esse tipo de abelha precisa ter contato direto com o barro vermelho, nem que seja apenas um pouco, senão definham. 


Entrega feita só à noite, Wagner Torres protegeu a caixa de papelão, e deixou as abelhas se aclimatarem no novo local, onde ficaria a nova caixa que construiria. 
As bichinhas sofriam, pois na semana seguinte o tempo mudou  para chuvas atípicas. Mas o cabra foi rígido e não pulou nenhuma etapa do ciclo de adaptação.

Lembro das dificuldades pelas quais ele passou.  Um dia quando liguei para saber como estava indo a construção do novo ninho, me disse estar com dificuldade de encontrar barro vermelho em Itaipu, para colocar entre a o vaso externo e o vaso interno. Já havia rodado varias casas de construção e nada. O terreno em Itaipu é predominantemente arenoso. 

Abaixo algumas imagens da construção:

O fundo do vaso externo ganhou argila expandida para absorver alguma umidade que venha a ocorrer, evitando de passar ao vaso interno. 


Por cima da argila expandida vem a argila vermelha. O detalhe importante:  o vaso interno tem que ter um furo no fundo para que as Guiruçus tenham contato direto com essa terra. É importante para elas.




A montagem da entrada é importante, pois o tubo que leva do exterior ao interior tem que ter um trecho de barro também. 




  
O tubo de entrada é um pedaço de PVC dobrado à quente



Nessa imagem dá para ver bem como ficou o orifício de entrada do vaso interno em relação ao vaso externo.


Após algumas modificações do projeto ensinado no vídeo, a caixa recebe o acabamanto superior.


No final a caixa ficou assim:




Para não perderem o caminho de casa, Wagner colocou a entrada da caixa de papelão pela frente da nova entrada. Só para garantir que todas voltariam para casa depois da mudança!


Feita a transferência, e já aclimatadas no local definitivo, não foi difícil se acostumarem com a nova casa, mais aconchegante.

A seguir mais alguns vídeos de como essas lindas abelhas se adaptaram tão bem ao nova casa em Itaipu. Com certeza os cuidados e dedicação do Wagner Torres foram imprescindíveis para o sucesso da operação.

Esse cabra vai ser o representante da AME-RIO na próxima parceria de meliponário a ser firmada no Horto de Niterói, junto aos escoteiros.

Antes que venham as perguntas, todos pensamos ser a Guiruçu schwarziana quadripunctata. Mas em uma consulta feita ao amigo Marco Abelha, parece que não foi confirmada como quadripunctata. 


Vamos aos vídeos:






ATALHO => RAINHA GUIRUÇU


Medina





 

segunda-feira, 16 de março de 2020

Ação Amigos da Mallu Vitoria (neta da Gleide)



Esta Ação Entre Amigos desenvolvida pela AME-ES - Associação de Meliponicultores do Estado do Espírito Santo, é para ajudar a custear os gastos da nossa associada Gleide frente ao tratamento fisioterapêutico em sua netinha, (Netinha que foi adotada pela AME-ES) que nasceu com uma deficiência neurológica, que não ativou a musculatura que permite engolir, o que  consequentemente a faz necessitar que sua alimentação seja feita via sonda abdominal e somente líquida. (basicamente de leite).

Mallu necessita de 3 (três) sessões de fisioterapias por semana, cujo valor é de R$160,00 (Cento e sessenta reais) cada, e o tratamento deve durar pelo menos por um ano. Acreditamos que essa Ação irá ajudá-la, até que o atendimento pelo SUS seja iniciado.

Assim idealizamos essa ação de forma aberta, e sem limites de participações, ou seja, cada pessoa pode adquirir quantos número quiser e cada número concorrerá a todos os prêmios sorteados.

Estamos definindo a data de 04 de Abril de 2020 (Sábado) para realizarmos o sorteio, data em que esperamos que todos possam participar e terem tempo para realizarem os depósitos bem como realizarem a conferência de seus dados na planilha Google e consequentemente seus nrs de sorteio.

Custo do Bilhete: R$ 15,00 (quinze reais) e os depósitos deverão ser realizados via Caixa Econômica Federal, ou nas Lotéricas para Adriana Pessotti Bastos - Banco 104 - Agência 0168 Operação 013 Conta Poupança 15.728 - Dígito 3 - CPF 826.916.657-04 ou através do PIC PAY, @adrianapessottibastos

Prazo máximo para confirmação do pagamento: 02/04/2020. Para que todos os adquirentes tenham tempo para consultar seus dados na planilha no Google Drive, que lhes será dado acesso, conhecer seus nrs da sorte, conferi-los e solicitar alterações e ou retificações que forem necessárias.

Fica estabelecido que o nr que será atribuído a cada um dos compradores dos bilhetes, serão na ordem sequencial ao recebimento da confirmação do pedido de reserva ou pagamento do bilhete, o que for primeiro.

Os Sorteios serão realizados de forma Online na Página da AME-ES no dia 04 de Abril de 2020, ou pelos sites de sorteios Online e devidamente filmados e o link deste ficará disponível para ser acessado para os interessados na Página do FACEBOK da AME-ES.

Está assim agora a lista das premiações mas pode aumentar, afinal doações são bem vindas

PRÉMIOS
Primeiro Prémio                                             Dois Enxames de Uruçu Amarelas                                                                                    Doação de Gleide
Segundo Prémio                                            Dois Enxames de Uruçu Amarelas                                                                                    Doação de Gleide
Terceiro Prémio                                             Um Enxame de Uruçu Amarela                                                                                          Doação de Júlio Barbosa
Quarto Prémio                                               Um Enxame de Uruçu Amarela                                                                                          Doação de André
Quinto Prémio                                               Um Enxame de Uruçu Amarela                                                                                          Doação de Germano e Neti
Sexto Prêmio                                                 Um Enxame de Mandaçaia                                                                                                Doação de Adriana
Sétimo Prêmio                                               Um Enxame de Mandaçaia                                                                                                Doação de João Luiz
Oitavo Prêmio                                                Um Enxame de Jataí                                                                                                          Doação de Adailton
Nono Prêmio                                                  Um Enxame de Jataí                                                                                                          Doação de Gleide
Décimo Prêmio                                              Um Enxame de Mirim                                                                                                         Doação de Gleide
Décimo Primeiro Prêmio                               Um Enxame de Mirim Guerreira (Pugnax)                                                                         Doação de Adailton
Décimo Segundo Prêmio                              Um Enxame de Tubuna na Isca de 5 lts                                                                             Doação do Charlis
Décimo Terceiro Prêmio                                Uma Mandaçaia na Isca                                                                                                    Doação de Dornélio
Décimo Quarto Prêmio                                  Uma Jatai da Isca de 2 Lts                                                                                                 Doação de Romulo
Décimo Quinto Prêmio                                  Uma Caixa para Mandaçaia                                                                                               Doação de Tânia Maria
Décimo Sexto Prêmio                                    Três Kits Capilar MARCA HA Ana Hickmann                                                                    Doação de Milton Araújo Junior
Décimo Sétimo Prêmio                                  Três Kits Capilar MARCA HA Ana Hickmann                                                                    Doação de Milton Araújo Junior
Décimo Oitavo Prêmio                                   Três Kits Capilar MARCA HA Ana Hickmann                                                                    Doação de Milton Araújo Junior
Décimo Nono Prêmio                                     Três Kits Capilar MARCA HA Ana Hickmann                                                                    Doação de Milton Araújo Junior
Vigésimo Prêmio                                            Um Livro "Abelhas sem Ferrão do Brasil! de Marilda Cortopassi                                     Doação de Maria Helena
Vigésimo Primeiro Prêmio                            Três Kits Capilar MARCA HA Ana Hickmann                                                                    Doação de Milton Araújo Junior
Vigésimo segundo Prémio                            Três Kits Capilar MARCA HA Ana Hickmann                                                                    Doação de Milton Araújo Junior
Vigésimo Terceiro Prêmio                             Um Enxame de Mirim e uma Caixa para Amarela                                                            Doação de Robson
Vigésimo Quarto Prémio                               Três Kits Capilar MARCA HA Ana Hickmann                                                                    Doação de Milton Araújo Junior
Vigésimo Quinto Prémio                               Três Kits Capilar MARCA HA Ana Hickmann                                                                    Doação de Milton Araújo Junior
Vigésimo Sexto Prémio                                 Três Kits Capilar MARCA HA Ana Hickmann                                                                    Doação de Milton Araújo Junior
Vigésimo Sétimo Prémio                               Três Kits Capilar MARCA HA Ana Hickmann                                                                    Doação de Milton Araújo Junior
Vigésimo Oitavo Prémio                                Um Livro de Romance "A mãe" de Máximo Gorki                                                            Doação de Maria Helena
Vigésimo Nono Prémio                                  Uma Caixa para Jatai                                                                                                       Doação de Adailton
Trigêssimo Prêmio                                         Uma Caixa para Mandaçaia Estilizada                                                                             Doação da RPPN Reluz
Trigéssimo Primeiro Prêmio                         Um Livro Cóloquio das Árvores Escritora Renata Bonfim                                                 Doação da RPPN Reluz
Trigéssimo Segundo Prêmio                        Uma Eco Bag Bordada a Mão                                                                                           Doação da RPPN Reluz
Trigéssimo Terceiro Prêmio                          Um Kit para banho com velas aromáticas                                                                        Doação da RPPN Reluz
Trigésimo Quarto Prêmio                                 UM Kit para Manejo de ASFs                                                                                           Doação de Ivana
Trigésimo Quinto Prêmio                              Uma Uruçu Amarela                                                                                                         Doação de Natalino Calimam
Trigésimo Sexto Prêmio                                Uma Mirim                                                                                                                        Doação de Giovani Belmock
Trigésimo Sétimo Prêmio                              Uma Tubuna na caixa                                                                                                      Doação de Jean Felipe Moreira
Trigésimo Oitavo Prêmio                               Um Chinelo c/ Logo da AME-ES e Um Chapéu Manejo ASF                                         Doação de Luciana Souza
Trigésimo Nono Prêmio                                 Um Chinelo c/ Logo da AME-ES e Um Chapéu Manejo ASF                                         Doação de Luciana Souza
Quadragésimo Prêmio                                   Um Chinelo c/ Logo da AME-ES e Um Chapéu Manejo ASF                                         Doação de Luciana Souza
Quadragésimo Primeiro Prêmio                    Uma Caixa Decorativa para Jatai                                                                                   Doação de Adriana Baldi
Quadragésimo Segundo Prêmio                   Uma Mandaçaia                                                                                                             Doação de Carlo Flavio/BH
Quadragésimo Terceiro Prêmio                    Uma garrafa de cachaça Puro Malte "Pouso Alegre"                                                     Doação de Geraldo Mageja
Quadragésimo Quarto Prêmio                      Um Enxame de Irai                                                                                                         Doação de Saulo Nepomuceno
Quadragésimo Quinto Prêmio                      Um Enxame de Mirim                                                                                                     Doação de Zezé Ferrari
Quadragésimo Sexo Prêmio                         Um Enxame de Jatai                                                                                                      Doação de Ailton Pinheiro
Quadragésimo Sétimo Prêmio                      Cinco mudas de Pitaya                                                                                                  Doação de Claudionor Gagno
Quadragésimo Oitavo Prêmio                       Cinco mudas de Pitaya                                                                                                 Doação de Claudionor Gagno
Quadragésimo Nono Prêmio                         Um enxame de Mirim                                                                                                    Doação de João Luiz T Santos


Organização AME ES.

Enxameie esta Ação!

sexta-feira, 13 de março de 2020

AME-RIO AJUDANDO PARCEIROS

O associado AME-RIO, André Brito, proprietário do meliponário BeePoint no Saco do Céu em Ilha Grande (RJ), firma parceria com o IMAAR-Instituto Municipal do Ambiente de Angra dos Reis.
 
A parceria visa o incentivo a atividades de criação de abelhas nativas sem ferrão no Município de Angra dos Reis, e prevê o acesso às dependências de todas as instituições de ensino e pesquisa do município, seus alunos e professores para fins de educação ambiental e apoio a pesquisas. 
Para auxiliar nesse compromisso, a AME-RIO permitiu a utilização do Gibi “As Abelhas Amigas”, criado pela associação para fins de educação ambiental com crianças. E Angra do Reis já providenciou a impressão inicial de 2000 unidades.

O acordo também já resultou na entrega de 100 caixas ao Meliponário Beepoint  para disseminação da criação de abelhas nativas sem ferrão entre moradores da Ilha, com o apoio do Fundo Municipal do Meio Ambiente (FMMA) de Angra.
Todos acreditamos na meliponicultura como ferramenta de educação ambiental e geração de renda sustentável. Uma alternativa sadia para Ilha Grande e região, agregando-se ao turismo e à pesca artesanal já existentes.

quarta-feira, 15 de janeiro de 2020

EDITAL 7ª EDIÇÃO CONCURSO NACIONAL DE MÉIS DE ABELHAS NATIVAS AME-RIO/2020





JULGAMENTO DIA 16 MAIO
BONDINHO DO PÃO DE AÇÚCAR
LOCAL E DATA ESTÃO SUSPENSOS, ATÉ FIM DA QUARENTENA,
MAS CONTINUAMOS A RECEBER AMOSTRAS

Corpo de Jurados
Dr. Rogério Marcos de Oliveira - professor titular aposentado IFBAIANO. (Promoveu e coordenou os primeiros concursos do gênero no Estado da Bahia)
Dra. Mônika Barth - Pesquisadora da FIOCRUZ e especialista em análises laboratoriais de pólen e mel.
Dra. Genna Sousa – Bióloga, Doutora em Ciências Agrárias / Meliponicultura – UESB. (Colaborou na efetivação da Legislação de meliponicultura da Bahia)
Chef Pedro Siqueira -  Chef do PURO Restaurante, considerado melhor restaurante brasileiro do Rio de Janeiro segundo revista Comer&Beber.
Chef Rafael Costa e Silva -  Chef do Lasai, agraciado com distinção com 1 estrela Michelin.
Eugênio Basile – fundador da Mbee Mel de Terroir, especializada em méis gourmet voltados para apreciadores ou para a alta gastronomia.

OBJETIVO
Selecionar como CAMPEÃO uma amostra de mel de abelhas Meliponini, com base em critérios sensoriais de melhor percepção do aroma, bouquet e sabor a vista dos padrões organolépticos do mel in natura, fresco e recém coletado de abelhas nativas.
“Notas Sensoriais” serão anotadas pelos jurados nas fichas de julgamento, e se requeridas repassadas aos participantes.

REGRAS:
O concurso é aberto apenas a méis de abelhas nativas (Meliponini), e poderão concorrer méis processados ou refrigerados.

Os concorrentes poderão inscrever seus méis em uma das 3 categorias de conservação, a saber: RefrigeradoMaturado ou Desumidificado.

A amostra de mel enviada tem que ser produto do meliponário do próprio concorrente.

Cada meliponicultor pode concorrer com amostras de diferentes espécies de abelhas ou diferentes categorias.

Não se exige que a amostra tenha sido produzida na safra 2019/2020.

As amostras serão recebidas da abertura do edital até UMA SEMANA ANTES DO JULGAMENTO 09/05/2020, e a remessa é por conta do inscrito.

Cada amostra deve ter no mínimo 300ml. Havendo caso de espécies de abelhas, reconhecidamente pouco produtivas, será aceita a metade do volume requerido, mas a mostra deverá ser ressalvada/justificada com a descrição da espécie conhecidamente de baixa produtividade de mel.

As amostras deverão ser acompanhadas com identificação (ficha), na qual deve constar: 
Nome do meliponário
Nome do Meliponicultor;
Estado do meliponário;
Cidade do meliponário;
Espécie da Abelha Nativa;
Tipo de conservação que estabelecerá a categoria de concorrência (Refrigerado; Maturado; Desumidificado);
Data da coleta; (mês/ano aproximado)
Florada predominante (opcional);
Notificar se a amostra procede de uma única caixa ou de diversas;
Foto/Imagem da entrada da caixa de abelha de onde procede a amostra enviada.
Enviar para por WhatsApp para (21) 99754-0887 
Localização georreferêncial do ponto de coleta ou da cidade/bairro da coleta. 
- ( Dica: Usar o App: GPS Maps – Basta instalar, ligar a função localização do Smartfone – ativar o App GPS Maps, aguardar localização e clicar na seta azul, anotar e enviar latitude e longitude informada) 
Ou tentar o mesmo com o programa GoogleMaps.

TESTES
As amostras passarão por uma análise laboratorial, executada pela Dra Mônica Barth, que atestará a pureza da mesma (condição eliminatória – sanidade - diz respeito apenas à existência de contaminantes).

As análises se estenderão após a data do julgamento, mas ficarão em sigilo para fins de pesquisa. Caso algum concorrente queira ter acesso aos resultados totais de sua própria amostra, poderá se manifestar, e a análise será repassada privadamente.
A qualquer momento, se for detectado o mesmo mel inscrito em mais de uma categoria, todas as amostras serão desclassificadas sumariamente.

JULGAMENTO
De cada amostra participante será separada uma sub-amostra (CEGA) que será disponibilizada sob código, sem identificação sobre o produtor/mel/origem/espécie, aos jurados para degustação no dia 16/05. Cada amostra CEGA poderá ser avaliada por cada jurado, tantas vezes quanto o mesmo necessite para o estabelecimento das pontuações. O restante será arquivado como reserva técnica ou eventuais contra-provas e encaminhamento para atividades prêmio dos classificados.

Os jurados realizarão o julgamento simultaneamente no dia 16/05/2020 no Bondinho do Pão de Açucar às 10 horas, em ambiente reservado e de maneira independente, sendo proibidos comentários dos mesmos até o final do julgamento.

Método de pontuação: inspirado em Análise Sensorial em Provas de Méis – Antônio Gomes Pajuela - 1996

Os parâmetros verificados pelos jurados de cada amostra serão classificados conforme a seguinte pontuação: QUALQUER VARIAÇÃO de NOTA entre “ZERO e DEZ”, até uma casa decimal. 
Conforme item “OBJETIVO” deste edital, os jurados darão seus votos baseados em critérios de palatabilidade pessoal, não levando em consideração características mercadológicas padronizadas para o mel de Apis melífera.

PONTUAÇÃO:
A pontuação de cada parâmetro será multiplicado por um peso referencial, a saber:
Transparência: x4 / Bouquet: x8 / Aroma: x8 / Sabor: x10
Assim a nota máxima de cada parâmetro será:
Transparência: 40
Bouquet: 80
Aroma: 80
Sabor: 100
Resultando em uma nota máxima = 300 pontos

Variabilidade dos parâmetros:
Transparência: melhor pontuação do mais Cristalino; Transparente; Pouco Transparente; ao Opaco.
Bouquet: maior tempo de permanência do sabor agradável do mel depois de degustá-lo.
Aroma: melhor percepção, grau de aceitabilidade/agradabilidade.
Sabor: melhor grau de aceitabilidade/agradabilidade conforme item "OBJETIVO".

A pontuação final de cada amostra será dada pela média aritmética, até duas casas decimais, da pontuação dos quatro jurados para cada amostra. 

CLASSIFICAÇÃO
Serão classificados 3 primeiros colocados de cada categoria. Portanto 9 amostras de méis ao todo.
O Mel Campeão será o que tiver maior pontuação, dentre os 9 selecionados.

PREMIAÇÃO
Os 9 méis classificados para final receberão Certificados referentes a suas colocações nas respectivas “CATEGORIAS”, bem como o Mel CAMPEÃO. Certificados emitidos pela AME-RIO (Associação de Meliponicultores do Rio de Janeiro) e FAAMERJ (Federação das Associações de Apicultores e Melipicultores do RJ)

Somente o detentor do Troféu de CAMPEÃO poderá anexar ao seu rótulo e divulgações o título:
“MEL CAMPEÃO NACIONAL  AME-RIO/2020"

O Mel Campeão será premiado com o Troféu de CAMPEÃO, uma Camiseta da AME-RIO e a devida divulgação na página da AME-RIO. O meliponicultor dono do “MEL CAMPEÃO NACIONAL AME-RIO/2020" também ganhará dois ingressos de acesso ao Bondinho do Pão de Açúcar, para serem usados até julho de 2020.

Aos demais vencedores, nas suas categorias, será permitido o uso da expressão:
Mel (1º, 2º ou 3º) lugar categoria (nome da categoria)” AME-RIO/2020.

Também como premiação, a AME-RIO também estabelecerá um primeiro contato para fins comerciais entre todos os premiados e a “Mbee Mel Terroir”, se eximindo de qualquer outra obrigação entre as partes. As partes poderão estabelecer, a partir da apresentação, uma parceria comercial (a critério e interesse de cada parte) para apresentação de um Mel Gourmet na lista de produtos da empresa Mbee.
   
Uma amostra do “MEL CAMPEÃO NACIONAL – AME-RIO/2020" também fará parte de uma criação de um prato do Chef Pedro Siqueira – com divulgação nacional.
  
Os casos omissos serão resolvidos pela Comissão Organizadora do Concurso.

REMESSAS DAS AMOSTRAS PARA:
Rua Visconde de Figueiredo nº 36 apt 406
RJ - Rio de Janeiro _ Tijuca
CEP 20550-050
Dúvidas - WhatsApp para (21) 99754-0887


ACESSO AO EVENTO
  
O evento será realizado no Bondinho do Pão de Açúcar (1º estágio - Morro da Urca), e a AME-RIO fornecerá passe de acesso pelo teleférico (quantidade limitada) para os associados interessados em comparecer, sob as seguintes condições básicas, a saber:
- Realizar inscrição com a Tesoureira da AME-RIO;
- Ao se inscrever, já estar quite com a mensalidade até mês de maio;
- Uma vez inscrito, se comprometer a avisar até 13/05 de eventual desistência;
- No dia do evento chegar até 8hs, para pegar com representante da AME-RIO, na portaria do Bondinho, o passe de liberação para subida.
- Os casos omissos serão resolvidos pela Diretoria da AME-RIO.